quarta-feira, 6 de abril de 2011

I´m still ALIVE

Sabe, quando eu escutei a primeira vez a música Alive do Pearl Jam eu não tinha entendido muito bem o sentido, mas esse é o tipo de música que traz uma sensação diferente. É uma sensação de vitória, pois apesar de tudo, todos os problemas e tropeços da vida, continuamos vivos.É algo que você tem que tomar para a sua vida, erros vão ser cometidos por você e outros, mas você tem que saber lidar com isso, ser forte, ser firme, para continuar na caminhada pelo seu propósito.

Quando eu escuto essa música é como se começasse um filme na minha cabeça e que me faz lembrar de tudo o que passei, bom e ruim, me faz perceber que por mais que eu continue sendo aquela menina sorridente é a mesma que já derramou lágrimas diversas vezes por perder um amor, por perder pessoas queridas e é a mesma menina que chorou quando teve que deixar os amigos no colégio e ir para um outro colégio, mas que sentia falta imensamente dos rotulados antigos amigos. Mas a mesma menina que chorou por ter deixado os amigos, chorou quando descobriu que seu último ano no colégio terminaria e que todo aquele encanto acabaria.

Algumas amizades se perdem ao longo da vida, mas seu significado e sua importância, não. Amigos que fazemos ao longo da vida e não esquecemos de nenhuma por menor que tenha sido a sua participação.

Fico criando na minha mente uma continuação daquilo que terminou, mas é inutil viver nisso, houveram mudanças que eu não quis, mas não tive escolha e outras as quais eu não tenho nenhum controle, só Ele e pra quem gosta de manter o controle, não tê-lo é um soco no estômago. Mas é assim mesmo, aprender a viver com isso, a ceder.

Especialmente hoje, quando olho pra trás, eu vejo que mudei, muito. Não digo fisicamente, porque isso é inevitável e natural, mas emocionalmente e psicologicamente. Todas as alegrias (foram muitas), as frustrações, decepções e desilusões (que foram em bom número também) me fizeram mudar, mas apesar de todas as coisas ruins vieram outras muito melhores e que posso dizer sinceramente que eu superei tudo o que eu guardei no meu "sótão". Tudo o que estava lá eu joguei fora e fiquei somente com a melhor parte. Não tenho mais mágoa, nem rancor, nenhuma tristreza ficou dentro de mim e agora eu posso olhar pro meu passado e sorrir honestamente.

Eu não passei por situações traumáticas e nem precisei pra saber o meu valor, a importância da minha família e amigos. Eles são a minha base, pois quando eu fico mal estão do meu lado e quando eu sorrio, eles fazem a festa junto comigo. E todo esses anos decorridos, as lágrimas perdidas e os sorrisos soltos em meio a bobeira foram de grande valor pra mim e aprendizado.

Cada um tem o seu tempo, eu tive o meu e não me arrependo por tudo que se passou, pois são coisas inevitáveis, que fazem com que eu me sinta bem comigo mesma e que me fizeram crescer, amadurecer e me tornar a minha própria base.

Yeah, I´m still alive ♥

3 comentários:

Bruniin disse...

aaaah eu fui o primeiro a ler ! *-* lindo post

Anônimo disse...

Você podia publicar mais coisas.

Kinhaah disse...

estou voltando a escrever agora, pelo menos um post por semana terá.=)